Aprenda de uma vez...




Lugar de " assassinar " a língua portuguesa é no Facebook.